Monumento aos mortos da Grande Guerra, em Abrantes (1930)

     "É um conjunto admirável de três figuras, em cimento armado. Ao centro, dominando o grupo, ergue-se, dominadora e forte, a imagem da Pátria - grandiosa figura de mulher, de belas linhas. A mão esquerda suspende uma coroa de louros sobre a cabeça de um herói vencido que lhe caiu aos pés - personificado num vulto atlético de romano, que sustenta ainda o escudo e o gládio. Do outro lado ergue-se, em atitude de combate, a cabeça metida na máscara contra os gases e a espingarda bem firme nas mãos, a figura de um dos nossos «serranos» da Grande Guerra." (1930-10-25 - Jornal desconhecido)
 
 
 
Ver:
1930-10-25 - Jornal desconhecido - Visita ao atelier
1930-    -     - Jornal desconhecido - Exposição da maquete
193  -    -    - A Hora -